Caos socialista: Nicolás Maduro manda povo SAQUEAR lojas!

O mundo inteiro sabe que a Venezuela amarga uma das maiores inflações do mundo. Quem se lembra do tempo da inflação no Brasil sabe que os preços aumentavam de um dia para o outro e quem lucrava mais era quem operava no over-night: aplica o dinheiro hoje e amanhã já obtinha o lucro garantido. A inflação enriqueceu muita gente e empobreceu o povo brasileiro.

Quem pôs fim a essa era de imobilismo e de verdadeira sacanagem contra o povo brasileiro foram os governos de Itamar Franco e de Fernando Henrique Cardoso, com o Plano Real que o PT era contra. Aliás, os comunistas são contra tudo que não lhes renda dividendos políticos.

A Venezuela vive algo parecido. Digo parecido porque é pior do que já aconteceu no Brasil. O povo venezuelano já enfrenta a escassez de gêneros de primeira necessidade. FALTA COMIDA! SIM COMIDA! e até mesmo o papel higiênico. A economia desse país, que detém a maior jazida de petróleo do mundo, está em frangalhos. A destruição da Venezuela começou há 14 anos quando foi eleito o finado caudilho Hugo Chávez com sua loucura bolivariana que nada mais é do que a adoção do modelo do comunismo cubano.

A loucura chegou a tal ponto que o seu filhote, Nicolás Maduro, decidiu intervir numa das maiores lojas de eletrodomésticos da Venezuela, o grupo Daka. Feita a intervenção, Maduro ocupou as instalações da Daka, com a polícia, prendeu seus gerentes e foi para a televisão pregar a luta de classes e culpar os empresários que chamou de “burguesia parasitária”.

No vídeo acima se vê Maduro impondo os preços aos produtos e incitando ao saque, quando afirma que todas as prateleiras tem de ficar vazias. Não deverá restar nada.

O resultado disso foi que neste sábado a Venezuela viu pela primeira vez em sua história saques em profusão em Caracas e outros pontos do país. A Polícia Bolivariana apenas assistia impassível à limpeza geral realizada pela turba de saqueadores. De fato, as prateleiras ficaram vazias como ordenou o tiranete.

O saque autorizado mirou nos produtos fabricados pelo “império”: televisões de última geração, tablets, computadores e eletrodomésticos. Maduro queria e conseguiu dar de “presente” produtos caros e de luxo. Nesse momento a “harina de maiz” (farinha de milho) que é a base da alimentação dos venezuelanos foi esquecida. Para a consecução da deletéria luta de classes precisava de algo “grandioso”, como televisões de 50″ e os cobiçados tablets, artigos, diga-se de passagem, ao alcance de qualquer indigente nos Estados Unidos e nos países desenvolvidos da Europa.

É bom que se frise que nos Estados Unidos nos anos 50 do século passado os automóveis e eletrodomésticos já estavam ao alcance da maioria da população. Nessa mesma época, a Venezuela, o Brasil e o restante da América Latina tinha como principal veículo de transporte o carro de boi.

O que está ocorrendo na Venezuela é algo inaudito e extremamente perigoso porque atende aos ditames do Foro de São Paulo, entidade comunista fundada por Lula e Fidel Castro em 1990, que dá as linhas de ação política para os ditos “governos bolivarianos” do continente.

Eis aí a razão da minha insistência e noticiar o que ocorre na Venezuela. E, muito mais, pelo fato de que Lula, o chefão do Foro de São Paulo, já afirmou que na Venezuela há democracia até demais. Há poucos dias o Brasil transferiu vultoso aporte de recursos para Cuba e Venezuela com o carimbo de “secreto” aplicado pela Dilma.

Por certo, a nobre oposição no Brasil ficará de bico fechado. Nem mesmo o “grande líder” José Serra convocará o tucanato para uma reunião destinada a fazer um balanço de toda essa vagabundagem que come solta no Brasil, na Venezuela e demais tiranias que Lula qualifica de democráticas.

Falta apenas que os black bloc do PT daqui a pouco comecem a saquear as lojas em São Paulo, no Rio de Janeiro e demais cidades brasileiras, aliás, fato que já ocorreu. Todavia, é em São Paulo, a terra de José Serra que os bate paus do PT gostam de quebrar tudo e depenar tucanos.

O Brasil pode ser a Venezuela amanhã.



ALGUMAS FOTOS DOS SAQUES VIA TWITTER:

Um comentário sobre “Caos socialista: Nicolás Maduro manda povo SAQUEAR lojas!

  1. Por tudo,prova-se que o grande líder do mal está morto,os farsantes governistas da América Latrina estão sem liderança desde a morte de Hugo Chaves,mas chaves não é o gatilho do crime bolivariano.Fidel está morta desde abril deste ano.O problema da ditadura é assim: quando morre sei idealizador,sucumbem todos seus seguidores.O FORO DE SÃO PAULO matou seus signatários,um orgão comunista criado por um assassino e orientado por um analfabeto.Fidel e Lula.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s